Agende-se
Sede campestre Final de Ano

Fechada a partir de 23/12/17, sábado, e reabertura no dia 03/01/18, quarta-feira. Renove sua carteirinha de saúde para uso da piscina! Feliz Natal.

Vídeos
Defesa dos bancos públicos

Comitê Nacional em Defesa da Caixa busca apoio da CNBB

Comitê Nacional em Defesa da Caixa busca apoio da CNBB

Banco desenvolve papel importante na execução de políticas públicas e de programas que contemplam especialmente a população mais carente

 

Representantes do Comitê Nacional em Defesa da Caixa entregaram nesta segunda-feira (27), em Brasília (DF), documento à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) em que solicitam o apoio da entidade à campanha “Defenda a Caixa você também”. Dirigentes das entidades representativas dos trabalhadores do banco foram recebidos pelo secretário-geral da CNBB, Dom Leonardo Ulrich Steiner.

     > Confira o documento entregue à CNBB.

Participaram do encontro com Dom Leonardo o presidente da Fenae, Jair Pedro Ferreira; o diretor de Relações Instituições da Fenag, Marconi Apolo; o presidente da Aneac, Fernando Turino; o diretor regional Centro-Oeste da Aneac, Geraldo Aires da Silva Junior; e a diretora de Juventude da Contraf-CUT, Fabiana Uehara. Na ocasião, o secretário-geral da CNBB recebeu camiseta, cartazes e a cartilha da campanha pela manutenção do banco 100% público.

No documento encaminhado à CNBB, o Comitê Nacional ressalta que a Caixa forte e social está seriamente ameaçada por planos que visam reduzir a sua atuação para depois privatizar a empresa. “A Caixa desenvolve papel importante na execução de políticas públicas e de programas que contemplam especialmente a população mais carente”, lembrou Jair Pedro Ferreira.

Durante o encontro, o presidente da Fenae lembrou a importância da CNBB em defesa de democracia, da cidadania e justiça social, e dos trabalhadores. “Os empregados do banco estão mobilizados denunciando a intenção do governo nas câmaras municipais, prefeituras e no Congresso Nacional, e esperam contar com o apoio da CNBB na luta pela manutenção da Caixa 100% pública”, acrescentou Jair.

O presidente da Aneac reforçou que a luta dos trabalhadores da Caixa se soma à atuação da CNBB. “O que temos em comum é a defesa dos mais pobres. Se a Caixa for transformada em S/A, seu legado social fica em segundo plano”, ressaltou Fernando Turino. Marconi Apolo frisou: “a Caixa 100% pública é fundamental para continuar executando políticas sociais imprescindíveis para nossa população. Nesse momento, precisamos atuar em defesa dela, sendo essencial o apoio da sociedade”.

Fabiana Uehara, representante da Contraf-CUT, destacou que “a Caixa é um dos maiores patrimônios do povo, pois tem sido ao longo de sua existência o principal agente de políticas sociais do governo brasileiro. Ajudando, especialmente, aquelas pessoas mais pobres a ter acesso a crédito, moradia, educação, saneamento, segurança, previdência e assistência social”.

Dom Leonardo Ulrich Steiner relatou que já havia tomado conhecimento da campanha “Defenda a Caixa você também”, por meio de mensagens veiculadas em emissoras de rádio. Ele elogiou a estratégia de atuação das entidades de buscar apoio dos municípios. “Estamos preocupados com a defesa do patrimônio do povo brasileiro”, disse o secretário-geral da CNBB.

Fonte: Comitê Nacional em Defesa da Caixa | 04/12/2017
SEEB - Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários de Blumenau e Região
Rua Coronel Vidal Ramos, nº 282 - CEP: 89010-330 - Centro - Blumenau
Fone: (47) 3326.3116 | Fax: (47) 3322.5036