Agende-se
FALE COM SEU SINDICATO

Entre em contato com o Sindicato através do nosso WhatsApp (47) 99776-0330, ou e-mail: sindicato@bancariosblumenau.org.br.

Vídeos
Santander, respeite o Brasil!

Em Audiência Pública, manifesto contra as privatizações é lançado

Além disso, o documento será encaminhado aos parlamentares de Brasília e audiências públicas com representantes do governo federal também serão agendadas. 

Na segunda-feira, dia 18, os diretores do Sindicato dos Bancários de Blumenau e Região e alguns bancários de base se juntaram a bancários de todo o Estado, representantes de sindicatos e de órgão públicos federais e estaduais, para participar de uma audiência pública, que aconteceu em Florianópolis.  
 
Organizada pelo Fórum Parlamentar pelo Fortalecimento das Empresas Públicas e a Frente Mista em Defesa da Soberania Nacional, a audiência foi contra propostas de privatização que estão sendo estudadas pelos governos federal e estadual e poderão ser analisadas no Congresso Nacional. 
 
Um manifesto público resultado do evento será encaminhado aos parlamentares em Brasília e serão agendadas audiências com representantes dos governos federal e estadual para manifestar contrariedade às propostas de privatização.
 
O proponente da audiência pública, o coordenador do Fórum Parlamentar pelo Fortalecimento das Empresas Públicas e deputado Estadual, Fabiano da Luz (PT), afirmou que o evento teve como objetivo defender a soberania nacional e garantir a permanência das empresas públicas como patrimônio da sociedade. “Não podemos permitir que o governo enfraqueça, diminua a ponto de nós não termos mais patrimônio público. Imagine privatizar todas as empresas públicas, acabar com o serviço público, como muitos do governo defendem. O que vai sobrar do Brasil?”
 
Para o deputado, o governo federal está na contramão daquilo que está ocorrendo em governos fortes, como os EUA, que é um governo capitalista. “Eles têm lá, que a energia, a água e o serviço público são considerados patrimônio nacional e, inclusive, são protegidos pelas forças armadas. Aqui, no Brasil, estamos vendo que defendem o contrário. É o governo querendo vender, entregar e enfraquecer aquilo que é nosso maior patrimônio, que é o serviço público.” 
 
Ele ainda reiterou a importância da defesa da não privatização. “Precisamos defender o que é nosso e enfatizar a importância deste movimento pela soberania nacional. O maior legado das nossas empresas públicas é o compromisso social, o lado humano da sociedade.”
 
O presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Eletrosul, deputado Federal Pedro Uczai (PT/SC), afirmou que existe uma preocupação com a proposta de privatização do governo federal. Segundo o parlamentar, no mundo inteiro está se revertendo as privatizações, se reestatizando setores estratégicos como água, energia, petróleo e saneamento. “A China e a Noruega não vendem setores estratégicos como o petróleo e nós (o Brasil) estamos vendendo. O setor de energia nos EUA, depois de 30 anos, voltou para o governo federal e vai para segurança nacional, onde é controlado pelo Exército e nós queremos privatizar a Eletrobrás e a Eletrosul. Então, em nome da soberania nacional, a não privatização é buscar que o serviço público seja de maior qualidade para o povo e ao mesmo tempo retornar em impostos.”
 
Uczai afirma ainda que a Petrobrás, nos próximos quatro anos, poderá colocar R$ 600 bilhões nos cofres públicos para transformar benefícios para saúde, educação, entre outros serviços públicos. “Se privatizar, esse dinheiro não vai para o povo, então é o momento estratégico para debater esse tema. Nós vamos reagir e manter esse patrimônio público, já que o povo brasileiro não foi consultado para privatizar, para vender o seu patrimônio.”
 
Fonte: Com informações da Alesc e do Seeb Floripa/ Fotos: Seeb Blumenau e Região | 19/11/2019
SEEB - Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários de Blumenau e Região
Rua Coronel Vidal Ramos, nº 282 - CEP: 89010-330 - Centro - Blumenau
Fone: (47) 3326.3116 | Whatsapp: (47) 99776-0330 | E-mail: sindicato@bancariosblumenau.org.br
Criação e desenvolvimento de sites